top of page

Joana Bahia e Farlen Nogueira lançarão obras sobre Iemanjá e Tata Ti Inkice Tancredo da Silva Pinto

Os lançamentos ocorrerão na Livraria Folha Seca



16/04/2024 | 18:50



A professora, e antropóloga Joana Bahia e o escritor e Mestre em história social, Farlen Nogueira lançarão suas obras literárias na próxima sexta-feira, dia 19, no Centro do Rio de Janeiro.


Joana Bahia é autora do livro “O Rio de Iemanjá - Um olhar sobre a cidade e a devoção”. Da Igreja da Glória até a praia de Copacabana, de São Gonçalo ao mercado de Madureira, ela fez trabalho de campo desde o início dos anos 1990, observando os despachos, seguindo os balaios, participando dos rituais, mergulhando nos arquivos, conversando com muitas pessoas. Ela conta mais de um século da história da aglomeração urbana através das atuações dos devotos de Iemanjá.




O livro analisa em particular as transformações dos espaços sociais da religiosidade, as disputas por alguns espaços públicos da cidade entre umbandistas e católicos, e as ondas recentes de intolerância religiosa (oriundos de movimentos evangélicos) que depredam monumentos de Iemanjá.


O escritor e Mestre em história social, Farlen Nogueira é autor do livro 'O Tata Ti Inkice da omolocô: Tancredo da Silva Pinto, clivagens e disputas no campo religioso umbandista do Rio de Janeiro (1950 -1979)'. A obra analisa parte da trajetória de Tancredo da Silva Pinto, entre os anos de 1950 e 1979, no Rio de Janeiro. Tancredo foi uma importante liderança da umbanda omolocô e figura central na formulação de uma umbanda com uma forte identidade negra.




Os lançamentos ocorrerão na Livraria Folha Seca, das 17h às 19h. O endereço da livraria é Rua do Ouvidor, 37 - Centro - Rio de Janeiro.


Sobre a autora Joana Bahia:


Joana Bahia é Antropóloga, professora titular de Sociologia e Antropologia da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Coordenadora do Larm/CNPq e autora de livros e textos sobre religião e campo migratório, religiões, conservadorismos e espaço público, etnicidade, identidades e conservadorismos religiosos, religião e espaço público, afro brasileiras no contexto nacional e transnacional. Joana é também colunista do AxéNews.



Sobre o autor Farlen Nogueira:


Doutorando em história pelo programa de pós graduação em história social do território - UERJ-FFP. Mestre em história social do território. UERJ-FFP. Graduando em história pela UERJ- FFP. Autor do livro : "O Tata Ti Inkice da omolocô: Tancredo da Silva Pinto, clivagens e disputas no campo religioso umbandista do Rio de Janeiro (1950 -1979)" Farlen é também colunista do AxéNews.






Comentarios


logo1.jpg
  • Instagram

Notícias e conteúdos do Axé

bottom of page