top of page

E os encantados? Precisamos agradecê-los.

Por: Mãe Celina de Xangô


Arte: Pinterest

05/05/2024 | 09:19


Tenho pensado muito na vida que tenho, e o quanto pai Xangô, mãe Iansã e pai Oxossi têm feito. Sim, são Orixás que me governam e me orientam o tempo inteiro. E os encantados?




Os exus! São incansáveis, estão sempre na contenção, na proteção, nos livramento, ou seja, nos ajudando o tempo inteiro sem nos pedir nada.


Cabe a nós, sim, agradá-los de forma carinhosa e respeitosa, perguntando o que eles desejam. Por quê falo isso? Às vezes demoramos entender o que os orixas estão sinalizando, temos que aprender a esperar o tempo certo pra desperdiçar as energias que são trazidas por eles!


Sou grata por todas as orientações de pai Xangô e todos os caminhos que exus traçam pra eu passar.


Beijo cheio de Axé!!



Mãe Celina de Xangô - AxéNews

Mãe Celina de Xangô

Mãe Celina de Xangô é gestora do Centro Cultural Pequena África há treze anos. Durante os anos de 2011 e 2012, foi convidada pelo Departamento de Arqueologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ, através da professora Tânia Andrade Lima, a participar do reconhecimento de objetos africanos encontrados nas escavações do Cais do Valongo. [+ informações de Mãe Celina de Xangô]


Rede Social de Mãe Celina de Xangô:

Komentarze


logo1.jpg
  • Instagram

Notícias e conteúdos do Axé

bottom of page